Cagarro | Calonectris diomedea borealis

Cagarro | Calonectris diomedea borealis

O cagarro é a ave marinha que nos acompanha diariamente nas nossas viagens e a população desta espécie que nidifica nos Açores representa cerca de 75% da sua população mundial. É possível vê-lo em grandes bandos e pousado na água, enquanto espera que cardumes venham à superfície.

É uma ave que passa a maioria da sua vida em alto mar, vindo apenas a terra aquando da reprodução e nidificação, durante os períodos noturnos. Possui um voo característico, que consiste em poucos movimentos de asa, enquanto desliza por cima das ondas.

  • Envergadura: 100-125 cm
  • População nos Açores: 188.000 casais reprodutores
  • Longevidade: 40 anos
Cagarro de coleira | Puffinus gravis

Cagarro de coleira | Puffinus gravis

O cagarro de coleira passa pelos Açores raramente, aquando da sua migração para ilhas remotas no Hemisfério Sul, entre o fim de agosto e o início de setembro.

Apresentam um voo semelhante ao dos cagarros, mas diferem na coloração.

  • Envergadura: 100 – 122 cm
  • Dieta: Peixe, lulas, crustáceos e vísceras de peixe
  • População: > 15.000.000
  • Longevidade: 7 anos
Estapagado | Puffinus puffinus

Estapagado | Puffinus puffinus

O Estapagado é uma espécie pelágica gregária cerca de 25% inferior aos cagarros. Voam com um bater de asas rápido e forte e planam junto à água.

São mergulhadores eficientes, alimentando-se tanto à superfície como debaixo de água. Já em terra são muito desajeitados!

  • Envergadura: 76 – 82 cm
  • População Mundial: > 1.000.000
  • Longevidade: Cerca de 15 anos
  • Longevidade Máxima: 50 anos
  • Dieta: Pequenos peixes, lulas, crustáceos
  • Primeiro voo: 62 – 76 dias
Gaivota de patas amarelas | Larus michahellis atlantis

Gaivota de patas amarelas | Larus michahellis atlantis

Provavelmente a ave marinha mais conhecida, esta é a única espécie de gaivotas que nidifica nos Açores e é uma oportunista, alimentando-se de peixe e também de restos de comida.

  • Envergadura: 135 – 152 cm
  • População nos Açores: 4.000 casais
  • Longevidade: 32 anos
  • Dieta: Restos de comida, peixes, caranguejos, invertebrados, répteis, mamíferos
Alma negra | Bulweria bulwerii

Alma negra | Bulweria bulwerii

É uma pequena ave marinha de tom escuro, distribuída por águas temperadas e subtropicais dos oceanos Pacífico e Atlântico.

  • Envergadura: 68 – 73 cm
  • População na Europa: 7.500 – 10.500 casais reprodutores
  • População nos Açores: Cerca de 50 casais
  • Longevidade: 22,9 anos
  • Dieta: Pequenos peixes, crustáceos
  • Primeiro voo: 62 dias
Garajau-comum | Sterna hirundo

Garajau-comum | Sterna hirundo

O garajau-comum é uma espécie bastante avistada nos Açores e é facilmente identificada pelo seu tamanho reduzido, coloração vermelha no bico pontiagudo e o topo da cabeça preto.

  • Envergadura: 75 – 80 cm
  • População Mundial: > 10.000 casais reprodutores
  • População Açores: 2.000 - 3.000 casais reprodutores
  • Longevidade Média: 9 – 10 anos
  • Longevidade Máxima: 25 anos
  • Dieta: Pequenos peixes, agulhões, peixes-agulha e sargos
  • Primeiro voo: 22 – 30 dias
Moleiro-grande | Catharacta skua

Moleiro-grande | Catharacta skua

O moleiro-grande apresenta cor acastanhada e tem um corpo compacto, com cabeça e bico grandes. Dado o seu tamanho, voa lentamente e de forma pesada.

É uma ave oportunista, que rouba frequentemente alimento a outras espécies de aves mais pequenas.

  • Envergadura: 140 cm
  • População: Cerca de 16.000 casais reprodutores
  • Longevidade Média: 15 anos
  • Longevidade Máxima: 34,5 anos
  • Dieta: Peixes e outras espécies de aves
  • Primeiro voo: 40 – 51 dias